Blog AS

dominio para advogado

Domínio para Advogado: como escolher o nome de domínio do seu escritório de advocacia

Compartilhe

Escolher um nome de domínio não é uma tarefa simples, e escritórios de advocacia não são exceção.

Apesar do Código de Ética e Disciplina da OAB restringir o uso de nome fantasia ao escritório de advocacia, ainda assim as possibilidades de nome de domínio são enormes, e é importante escolher nome certo para o seu escritório.

Preparamos este guia abrangente para ajudá-lo a escolher o melhor nome de domínio para um site de advocacia de sucesso. Aproveite!

Conteúdo

O quê é domínio de site?

O domínio é o nome de endereço na internet (ou URL), que começa com o www. nos sites. E é fundamental para qualquer site disponível na internet.

Ele serve para localizar e identificar conjuntos de computadores na internet, e foi concebido com o objetivo de facilitar a memorização dos endereços de computadores. Sem ele, teríamos que memorizar uma sequência enorme de números.

Noções básicas do nome de domínio para advogado

Domínio de nível superior (TLD)

A escolha do nome de domínio deve começar com o Domínio de Alto Nível. O domínio de nível superior é a extensão que aparece no final de todos os nomes de domínios:

www.advocacia.com.br

Os  TLDs mais comuns para escritório de advocacia são:

  • com.br
  • adv.br
  • .com
  • .net

Internacionalmente, o domínio .com é o mais conhecido e utilizado. No Brasil, o domínio .com.br é de longe o TLD escolhido pela a maioria das empresas. Quando falamos de domínios para advogados, ainda tem o .adv.br, que muitos advogados preferem, para deixar claro o serviço advocatício.

Domínio raiz

O domínio raiz é a parte do domínio que é exclusiva do seu negócio. É o que você vai gastar mais tempo pensando ao escolher um nome de domínio para o seu escritório de advocacia. O domínio raiz é tipicamente composto de palavras que representam o negócio de alguma forma, no caso, o nome do sócio e/ou das especialidade do escritório. Por exemplo:

www.nomedoescritorio.com.br

Normalmente, o domínio raiz é o que terá o maior impacto em seus esforços globais de marketing e branding do escritório de advocacia e pode estar associada à sua especialidade, como por exemplo, www.criminalsilva.adv.br para o escritório “Advocacia Criminal Silva”.

O que diz a OAB

É amplamente sabido que a OAB proíbe o uso de nome fantasia para o escritório de advocacia. Além disto, estipula a obrigatoriedade da razão social ter o nome de, pelo menos, um advogado responsável pela sociedade.

Mas e quanto ao nome do domínio do site na internet?

O Tribunal de Ética e Disciplica (TED) da OAB já se manifestou quanto ao nome a ser utilizado pelo advogado ou escritório de advocacia ao criar um site na internet também:

“PUBLICIDADE – SITE – ADVOGADAS REUNIDAS EM CARÁTER PERMANENTE PARA COOPERAÇÃO RECÍPROCA – POSSIBILIDADE – VEDAÇÃO, PORÉM, DA UTILIZAÇÃO DA EXPRESSÃO “SOCIEDADE DE ADVOGADOS” OU “ESCRITÓRIO DE ADVOCACIA” OU MESMO DA PALAVRA “ADVOGADAS”. Duas advogadas que trabalham em caráter permanente para cooperação recíproca podem divulgar seus contatos através de site conjunto na internet, desde que não passem a falsa impressão de que se constituem em uma sociedade de advogados devidamente inscrita na OAB/SP. Nesse sentido, as especialidades de cada qual devem ser divulgadas individualmente. Nada deve fazer referência ou induzir à existência de uma sociedade de advogados, sob pena de infração ética. Ademais, o site, tratando-se de publicidade, deve respeitar o quanto disposto nos artigos 28 a 34 do CED, bem como os termos do Provimento 94/2000 do CFOAB.” Proc. E-4.328/2013 – v.u., em 28/11/2013, do parecer e ementa do Rel. Dr. FÁBIO PLANTULLI – Rev. Dr. PEDRO PAULO WENDEL GASPARINI – Presidente Dr. CARLOS JOSÉ SANTOS DA SILVA.

“INTERNET – CRIAÇÃO DE SITE POR ADVOGADOS AUTÔNOMOS EM CONJUNTO – POSSIBILIDADE – OBSERVÂNCIA DE PARÂMETROS ÉTICOS – MODERAÇÃO E DISCRIÇÃO – OBSERVÂNCIA DOS ARTIGOS 28 E SEGUINTES DO CED. Não existe nenhum impedimento ético de um advogado, individualmente ou coletivamente, criar um “site”, desde que respeitados as normas estabelecidas no Provimento 94/2000 do Conselho Federal da OAB e nos artigos 28 a 31 do Código de Ética e Disciplina. Moderação e discrição devem ser observadas sempre, bem como a sobriedade da advocacia e conteúdo meramente informativo. Permitida a divulgação do currículo, endereço, e-mail, telefones e área de atuação do(s) advogado(s). Obrigatória à informação do(s) nome(s) e do(s) número(s) de inscrição na OAB. Vedada redação de anúncios que possam apresentar uma conotação equivocada da existência de sociedade de advogados ou facilitadora de procedimentos, sob pena de configurar inculcação ou captação de clientela aos leitores leigos.” Proc. E-4.373/2014 – v.u., em 22/05/2014, do parecer e ementa da Rel. Dra. MARCIA DUTRA LOPES MATRONE – Rev. Dr. PEDRO PAULO WENDEL GASPARINI – Presidente Dr. CARLOS JOSÉ SANTOS DA SILVA

Em resumo, se você é um advogado autônomo, não poderá utilizar nenhum nome que faça referência a existência de uma sociedade de advogados, como “escritório de advocacia”, “advogados”, “advogadas”, “sociedade de advogados”.

Ou seja, se você não tem uma sociedade de advogados devidamente inscrita na OAB, não há muita opção de escolha de nomes de domínio. Será restrito ao uso do seu próprio nome, seguido de “advogado(a)”, caso deseje.

Por outro lado, a sociedade de advocacia devidamente registrada na OAB, poderá utilizar o seu nome no domínio do site, sem quaisquer empecilhos, desde que respeite as demais regras, como a utilização da moderação, sobriedade e discrição.

Onde Registrar o seu Domínio

É importante considerar cuidadosamente a empresa que você compra seu nome de domínio. Aqui está uma lista de registradores que tendem a ter reputações sólidas:

Para registros de domínio com o final COM.BR, nós indicamos registrar direto no Registro.br. Isto porque esta é a entidade responsável pelo registro e manutenção dos nomes de domínios nacionais, ou seja, as outras empresas que usam o .br serão apenas intermediárias da compra, que será feita no Registro.br também.  Isto me dá maior controle sobre o meu próprio domínio e diminuo o risco de perdê-lo caso a empresa intermediária não me envie pedido para pagamento dentro do prazo, por exemplo.

Por outro lado, a compra de domínio através de empresas como Hostgator e Hostinger podem ser mais fácil de gerenciar, caso você tenha vários domínios (com, com.br, adv.br, etc.).

De qualquer forma, nossa sugestão é pesquisas e simplesmente ir com uma empresa que você se sinta confortável em fazer negócios, e que tenha qualidade.

Custos

Muitas vezes o domínio tem um desconto gigante ou até mesmo está incluso no primeiro ano, ao adquirir os planos de hospedagem das empresas como Hostgator e Hostinger Só fique atento, pois após o período gratuito, o valor do domínio .br poderá ser maior do que se fosse registrado diretamente pelo registro.br.

O registro do domínio com.br no Registro.br é R$40,00 por ano (em 2022). No entanto, se você quer registrar um domínio “premium” que já está registrado, terá que entrar no “leilão” de domínios expirados e poderá ter um custo um muito maior – neste caso, o céu é o limite.

Escolhendo um nome de domínio para advogados

Como mencionamos no início, o que acaba sendo o nome de domínio “certo” para você, dependerá em grande parte das circunstâncias específicas da sua atividade. E se a sua sociedade de advogados está devidamente registrada na OAB (para não infringir as normas do TED/OAB).

Para advogados individuais ou autônomos, a decisão do nome de domínio se resume a escolher o melhor sobrenome e saber se o advogado quer adicionar sua área de atuação.

Se você nunca pretende mudar a área de atuação, um domínio que a mencione pode ser a escolha certa. Por outro lado, se seus objetivos envolvem a criação de um escritório que abrange ampla variedade de áreas de atuação, um domínio de correspondência de nome pode ser melhor para você.

Domínio fácil, curto e relevante

O domínio é um dos elementos chave do seu site. Ele pode definir inclusive o sucesso ou fracasso do seu escritório online. Por isso, é crucial escolher um nome de domínio que realmente funcione para o seu escritório.

Por quê o nome do domínio é importante?

  1. É a primeira impressão do visitante. O seu endereço eletrônico é a primeira informação que os visitantes virão. Um bom nome de domínio pode causar uma boa e duradoura primeira impressão, enquanto que um nome ruim pode afastar seus visitantes.
  2. Afeta o posicionamento no Google. Apesar do nome de domínio exato da palavra chave que você quer rankear no Google não é mais necessário, ele ainda ajuda em melhorar a posição do seu site nos buscadores de pesquisa não só do Google, mas também Yahoo, Bing, etc.
  3. Define a sua marca. O nome de domínio é uma oportunidade para aumentar o reconhecimento da sua marca.
  4. Será utilizado no seu e-mail profissional. O domínio será o mesmo para a criação do seu email profissional, por exemplo, [email protected] Então, se o domínio escolhido já é grande, o seu email profissional ficará mais extenso ainda, podendo dificultar a sua divulgação no dia-a-dia. Afinal, ninguém lembrará do e-mail inteiro ou irá querer digitá-lo.

Estes são apenas algumas das razões que o nome do domínio é tão importante.

Fácil de pronunciar e soletrar

Se não for fácil, seu potencial cliente pode acabar no site do seu concorrente. Um nome de fácil pronúncia torna mais fácil o marketing boca-a-boca, e fica mais fácil o compartilhamento do site por amigos e clientes em potencial. Se você tem um nome difícil de falar e soletrar, melhor considerar ele de fora do seu domínio.

Pergunte a você mesmo: quantas vezes seus clientes já escreveram ou falaram errado o seu sobrenome? Se a resposta for “comumente”, então você deveria considerar focar o nome de domínio em outros elementos, como utilizar seu outro sobrenome (se tiver), suas iniciais, do seu sócio, ou abreviar o seu sobrenome.

Fácil de digitar

A última coisa que você quer é que seu cliente acabe em outro site, que não o seu. Uma maneira fácil de evitar que isso aconteça, é escolher um nome simples e fácil de digitar. Já pensou o que nomes como Vale, Itaú, Vivo, Natura, Bradesco, TIM, têm em comum?

São simples e fácil de digitar! Ninguém precisa repetir para você entender.

Outra dificuldade aqui é evitar pontuações desnecessárias, como o hífen. São geralmente difíceis de digitar em celulares e nossas estatísticas mostram que as pessoas estão utilizando o celular como principal forma de pesquisa por advogados.

Por exemplo, “advocaciadasilva.com.br” é muito mais fácil de digitar do que “advocacia-da-silva.com.br”.

Curto

Esta dica é uma das extensões do item anterior. Se o seu domínio é muito longo, será dificilmente memorizado pelo seu cliente.

Segundo a pesquisa do DataGenetics, a largura de nome mais comum tem aproximadamente 12 caracteres.

Pode ser que o domínio “advocaciadasilvalimasantos.adv.com.br” esteja disponível, mas ninguém lembrará deste nome inteiro ou irá querer digitá-lo. Considere tentar algo como “advdasilva.com.br”.

Análise e exemplos de domínios

Para simplificar as coisas, vamos dividir as opções de nome de domínio de advogado individual em quatro tipos, e examinar os pontos fortes e fracos de cada um:

1.Correspondência exata de nome (ex.: joaosilva.com.br)

PONTOS FORTES:

• Reconhecimento de nomes. Qualquer um que veja seu domínio saberá o seu nome.
Versatilidade. Uma vez que você não está indicando nenhuma área de atuação específica no seu domínio, você poderá incluir maior variedade de áreas de atuação no site.
Gestão de reputação e “branding”. Especialmente se você tem um nome que é único, este domínio será bem classificado para o seu nome em mecanismos de busca.

PONTOS FRACOS:

Ambigüidade. Se alguém nunca ouviu falar de você, não será capaz de saber sua profissão apenas vendo seu nome de domínio.
Falta de palavras-chave. Sabemos que ter palavras-chave em um nome de domínio se correlaciona positivamente com rankings mais altos para essas palavras-chave nos mecanismos de busca como o Google.
Disponibilidade limitada. Se você tiver um nome comum, é provável que você não seja capaz de garantir a versão exata do combinação do domínio .com.br.

2. Nome exato + indicador da profissão (ex.: joaosilva.adv.br ou joaosilvaadvogado.com.br ou advocaciajoaosilva.com.br)

PONTOS FORTES:

• Os mesmos pontos fortes do domínio de correspondência de nome exato.
Valor da palavra-chave. Ter os termos indicadores da profissão “adv” ou “advogado” pode ajudar o site a classificar para palavras-chaves que contenham esse termo no Google.
Disponibilidade. Mesmo que tenha alguém com o mesmo nome e sobrenome que o seu, ainda assim você conseguirá comprar um domínio com alguma combinação de seu nome + seu indicador da profissão.

PONTOS FRACOS:

Comprimento. Se você já tem um nome longo, adicionando “.adv” ou “escritório de advocacia” ou pode deixar o nome de domínio muito longo.
Falta de palavras-chave. Embora você tenha adicionado um termo indicador da profissão, você não ganhará nenhum valor de palavra-chave para suas áreas de atuação mais específicas.

3. Nome + área de atuação (ex.: silvaadvogadocriminal.com.br, ou silvaadvocaciacriminal.com.br)

PONTOS FORTES:

Associação de marcas. Esse formato permite associar seu nome à sua área de atuação.
Disponibilidade. Ao combinar seu nome com sua área de atuação, você reduz significativamente as chances de que o nome de domínio já esteja registrado.
Valor da palavra-chave. Sabemos que ter palavras-chave no nome do domínio se correlaciona positivamente com rankings mais altos para essas palavras-chave no Google.

PONTOS FRACOS:

Comprimento. Combinar seu nome com sua área de atuação pode deixar URL longa.
Gestão de reputação. Uma vez que este tipo de domínio inclui apenas uma parte do seu nome, pode ser mais difícil classificar altamente em mecanismos de busca para o seu nome.
Difícil memorização. Quanto mais complexo seu nome de domínio se torna, mais difícil é lembrar.

4. Nome abreviado dos sócios (ex.: jsadvogados.com.br)

PONTOS FORTES:

Versatilidade. Uma vez que você não está indicando nenhuma área de prática específica com o seu domínio, você é mais adequado para abordar uma variedade mais ampla de áreas de direito com o site.
Disponibilidade. Especialmente se você tem um nome que é único, este domínio será bem classificado para o seu nome em mecanismos de busca.
Fácil memorização. A abreviação dos nomes dos sócios ou uso de sua iniciais encurta a URL, que torna mais fácil a memorização.

PONTOS FRACOS:

Gestão de reputação. Uma vez que este tipo de domínio inclui apenas uma parte do seu nome, pode ser mais difícil classificar altamente em mecanismos de busca para o seu nome.
Falta de palavras-chave. Embora você tenha adicionado um termo indicador da profissão, você não ganhará nenhum valor de palavra-chave para suas áreas de atuação mais específicas.
OAB. A prática cada vez mais comum entre escritórios de advocacia não têm sido vista com bons olhos pelo TED/OAB.

Conclusão

Escolher o nome de domínio para advogado não é uma tarefa fácil. Embora seja relevante pensar no nome de domínio do seu escritório de advocacia, é ainda mais importante entender que o melhor nome de domínio do mundo não supera um site ruim.

Isto porque, um ótimo site cheio de conteúdo útil pode (e vai) superar um nome de domínio não tão bom. O advogado que posta os conteúdos de relevância terá muito mais contatos e clientes do que aquele que tem o melhor nome de domínio, mas sem postagem de conteúdo, ou pior ainda, sem um site profissional.

No final, o tipo de nome de domínio que você escolhe para o seu escritório deve ser guiado por suas metas de marketing e seu plano de negócios de longo prazo.

Site para advogados: o guia completo para você ter o melhor site de advocacia em 2020

Nós do AS fornecemos toda a estrutura e suporte para criação do seu e-mail profissional, incluindo a hospedagem e a criação do site. Tudo isto visando a obtenção de mais clientes para o advogado. Entre em contato e fale com um especialista!

Posts relacionados:


Compartilhe